Pssssst! Aceita o teu cabelo do jeito que ele é...

Este é o primeiro post de 2014 e, mais importante do que falar sobre produtos, dar dicas e fazer tutoriais, é também  fazer reflexões!

Recebo imensas mensagens de meninas que usam ou tencionam usar o cabelo no seu estado natural. Tal deixa-me incrivelmente feliz! Porém, denoto uma certa negação por parte das mesmas no que diz respeito ao tipo de cabelo que possuem!

"Estou farta do meu cabelo! Ele não tem caracóis como o da "fulana"!, "O meu cabelo encolhe imenso, já não sei o que fazer!""Ser natural não é para todos", "Sempre pensei que o meu cabelo fosse mais maleável! ", "Não sei se quero cortar, tenho medo de não gostar da textura do meu cabelo!" Estes são alguns dos muitos "desabafos". Todas as mensagens são respondidas, dicas e informações são emitidas e injecções de auto-estima são dadas mas, ainda assim, é insuficiente! 
Fonte: Google Images
Mentaliza-te do seguinte, todo o cabelo natural é bonito do jeito que é! À partir do momento em que parámos de ver SÓ defeitos  e passamos a enxergá-lo da forma que ele é e não da forma que gostaríamos que ele fosse, "perdemos 10 quilos", tornamos-nos mais leves, mais conscientes e consequentemente mais felizes. Acredita em mim, funciona! 

Pára de "sofrer" por não teres os cachos da Thaís Araújo ou de outra celebridade qualquer! "Mas Denny, eu tenho feito tudo para que o meu cabelo se pareça com o da fulana de tal mas não funciona!?" " Feito de tudo!? Really!?!?!?!? STOP! STOP! STOP! Ninguém tem o cabelo igual ao outra alguém. É normal, é natural que assim seja!

Pára de comprar "produtos milagrosos" que na maioria das vezes não funcionam. Eles apenas  fazem-te pensar que há algo de errado com o teu cabelo. Psssst, não há nada de errado! É imperativo aprender a gostar e apreciar o cabelo que se tem, independentemente dele fazer  parte ou não do "tabela dos tipos de cabelo". Ama-o com intensidade pois é único!
Fonte: Google Images
Apaixonetas capilares fazem parte da nossa jornada mas não as idolatres ao ponto de gostares mais do cabelo "dela" do que do teu próprio cabelo. Está errado a todos os níveis! As inspirações servem para isso mesmo, para INSPIRAR e não para IGUALAR. Ninguém é igual a ninguém. Ser única é tão bom! Pensa nisso! 
Fonte: Google Images

Voltar as raízes, além de um processo físico, tornar-se também num processo emocional! Ser natural não é apenas ter o cabelo natural é também estar natural! O nosso cabelo tem especificidade, aceita isso e age em conformidade!  Ama, cuida, idolatra, o teu crespo, a tua carapinha dura, o teu afro de Deus!

 Sempre que te sentires em baixo, lembra-te da razão pela qual voltaste ao natural.  

Para fechar a "coisa" fiquem com esta bela canção de Teta Lando que encerra tudo aquilo que atrás foi dito. Beijo Crespo!

1 comentário:

  1. Sabes que para algumas o problema mesmo é aceitar!!! A Dois anos aceitei, livrei-me dos químicos e estou super feliz, porque sou mais elogiada do que criticada, e poucos me questionam! Claro também tenho sempre a resposta preparada para a engraçadinha(o) que tentar....ADORO ser Natural...Ja tinha sido antes, mas fui mais fraca com o que me diziam...perguntava se estava a ficar Rasta... e depois com isso veem outras questões! Es vista como "Diferente" pq usas o cabelo de uma forma Diferente da tal "maioria" Felizmente nos últimos tempos ja vejo mais pessoas-Natural e Adoro...Quanto as que ainda preferem os Quimicos, respeito mas lamento que estejam cada vez mais com uma identidade que não é a delas...e a estragarem o seu cabelo que é pior!!! Cada um sabe de si né! Beijos!!!

    ResponderEliminar